Professora do PPGCOM publica cartografia cultural do bumba meu boi em São Luís

Será lançado nesta quarta-feira, 7 de dezembro, às 19h, na sede do CRESOL (Casa do Maranhão), o mapa Caminhos da Boiada: um mapeamento cultural de grupos de bumba meu boi em São Luís. A publicação é resultado de três anos de pesquisa do Grupo de Estudos Culturais do Maranhão (GECULT-MA), ligado ao Departamento de Comunicação da UFMA e coordenado pela professora do PPGCOM , Letícia Cardoso. 

O mapa impresso, que será distribuído gratuitamente no evento de lançamento, constitui uma cartografia que apresenta os nomes, os endereços, os sotaques e um QR code que direciona o leitor para um mapa digital com a rota e localização exata das sedes de 76 grupos de bumba meu boi na capital. 

De acordo com a pesquisadora Letícia Cardoso, “a pesquisa surgiu por percebermos a falta de mapeamentos das práticas culturais no Maranhão. Este é o primeiro mapa do bumba meu boi no Estado e pretendemos ampliá-lo cada vez mais até conseguirmos incluir todos os grupos”, destaca. Além disso, a professora pontua que o objetivo do mapa é contribuir para o registro, a difusão e o reconhecimento dos grupos de bumba meu boi em nossa cidade. “Embora sejam considerados patrimônio imaterial da humanidade, os grupos de bumba-boi ainda enfrentam grandes dificuldades para manter sua cadeia produtiva ativa o ano inteiro. E a comunicação representa uma estratégia importante nesse processo de visibilidade e reconhecimento social. Nesse sentido, o mapa Caminhos da Boiada é um recurso de comunicação que servirá a esse propósito, facilitando a identificação dos grupos e o acesso dos apreciadores e consumidores da nossa cultura”, avalia. 

A produção do mapa, desenvolvido no contexto do projeto Metodologias de Pesquisa em Estudos Culturais: um olhar comunicacional sobre as culturas populares no Maranhão, pelo GECULT, teve apoio financeiro da Fundação de Amparo à Pesquisa do Maranhão – FAPEMA, através do edital Universal (2018). Além disso, contou com duas bolsas de iniciação científica (FAPEMA e CNPQ) concedidas às estudantes de jornalismo da UFMA, Thalia França e Paloma Correa, que estiveram diretamente envolvidas na pesquisa durante os três anos. Na ocasião do lançamento, os líderes dos 76 grupos que compõem o mapeamento vão receber exemplares do mapa para seu acervo pessoal. Também serão distribuídos exemplares para bibliotecas e casas de cultura. 

SERVIÇO

Quando: 7 de dezembro, quarta, às 19h

Onde: CRESOL (Casa do Maranhão), Rua do Trapiche, Praia Grande – Centro

Texto: Otávio Temóteo

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
EnglishFrenchPortugueseSpanish